Entenda a diferenças entre os tipos de acabamentos para pedras ornamentais



Na foto, parede revestida com granito exótico Black Taurus polido
Extraídas da natureza, as rochas possuem características que podem ser ressaltadas com o tipo de acabamento que recebem. Bruto, polido resinado, polido, levigado, escovado e flameado são alguns dos beneficiamentos utilizados no material que é muito usado na arquitetura e decoração.

Maior exportador de rochas ornamentais da América Latina e referência no setor, o Grupo Guidoni explica que o tratamento recebido por cada produto costuma seguir tendências do mercado, além do uso que ele terá em cada projeto. Assim, um revestimento poderá apresentar o acabamento mais adequado para a utilidade na qual será empregado.

O aspecto bruto é aquele mantido quando o produto extraído da natureza não recebe nenhum beneficiamento e fica com uma aparência escovada. Ele é usual em revestimento de paredes, por exemplo, em espaços que valorizam o aspecto natural das rochas. O acabamento polido resinado é aplicado para corrigir imperfeições, realçar a cor e conferir mais brilho ao material. Esse tratamento é comum em bancadas e pias, uma vez que selam os poros do material. Já o polido, é feito para que a pedra adquira um aspecto brilhante, por isso é comum em pisos e em paredes onde o revestimento tem função de painel decorativo.

Mais raro de ser solicitado, o acabamento levigado é utilizado para uniformizar a superfície, corrigindo possíveis irregularidades e fazendo com que a espessura do material fique homogenea. Esse tratamento também pode ser usado para fechar possíveis fissuras, deixando a rocha mais propícia para as próximas etapas de construção de fachadas, pisos e degraus, por exemplo. Semelhante ao levigado e solicitado também para utilizações semelhantes, o tratamento escovado pode ser mais leve, o chamado aspecto 'couro', ou mais profundo, conferindo mais porosidade à pedra.

Feito sob demanda, o acabamento flameado usa água, oxigênio e gás GLP, que formam uma espécie de maçarico ao entrar em contato com a rocha, estourando cristais e criando pequenas canvas. Seu uso é feito para deixar a pedra com aspecto uniforme e poroso. Este tipo de tratamento é indicado para pisos, fachadas, decks de áreas molhadas e acabamentos estéticos para arquitetura.

Geralmente, mármores, granitos e quartzitos já saem da indústria com o tratamento solicitado pelo marmorista, que faz o pedido de acordo com a orientação de um arquiteto ou para atender demandas de consumo. Contudo, o Grupo Guidoni explica que as maiores solicitações são por materiais básicos, que usualmente têm acabamento polido direto, e quartzitos que receberão um beneficiamento polido resinado.

GRUPO GUIDONI
www.guidoni.com.br
Telefone: (27) 3742-0100









Siga @MarcosGomesBr e fale comigo !